31 de julho de 2011

100 Anos de "Seu" Manelzim Fernandes

A família de Manoel Fernandes de Sousa (foto), mais conhecido como Manelzim Fernandes, comemora hoje (31/07) o seu centésimo aniversário. Seu Manelzim nasceu em 31/07/1911 na antiga Quixará, hoje Farias Brito, mas reside em Altaneira desde 1930.

Ex-Secretária rebate Professor Carlos Tolovi

Núbia Silva, Ex-Secretária de Educação
Recebemos Nota da Professora Núbia Silva, Ex-Secretária de Educação do Município de Altaneira, em que apresenta críticas ao Professor Carlos Tolovi e esclarece fato de sua gestão.

Reproduzimos a Nota na íntegra:

“Gostaria eu, aqui hoje, tecer comentários sobre os programas de rádio que tem sido feito neste ano pelo Professor Carlos Tolovi, principalmente quando se refere a essa nova administração.

Sou uma grande admiradora do Professor, e ultimamente tenho me decepcionado com algumas declarações que ele tem feito ao público em seus programas "Esperança do Sertão" apresentado todos os sábados, é que não foi isso que aprendi com ele nas aulas de Filosofia já que sou aluna dele no Curso de Pedagogia da URCA.

Ele é um defensor da Ética e do não a alienação, aprendi muito com ele, por tanto venho também a lhe agradecer, é respeitosamente que faço esses comentários, ele é um profissional invejável.

Bom, mas o que me inquieta é o fato dele divulgar o que lhe dizem, sem se preocupar com a realidade, no início da administração ele fez muitos elogios ao grupo pela ética dos mesmos, mas esqueceu que os funcionários "tucanos" estavam sendo desafiados a abrirem mão de empregos sendo menosprezadas por eles, isso para não dizer o correto nome desse tipo de atitude, que ele sabe qual é, mas não vou citar por que não comuniquei as vítimas que divulgaria esse tipo de acusação, até por que a maioria das vítimas nem sabem do que se trata, ou seja, desconhecem esse tipo de crime.

Cadê a Ética?

A outra insatisfação, de muitas que tem me ocorrido aconteceu hoje (30/07), quando ele fez elogios a nova administração pela aquisição da MERENDA ESCOLAR vinda da AGRICULTURA FAMILIAR.

Eu vou só esclarecer a ele como tudo se deu, por que me parece que ele não se comunica com uma pessoa da família dele, e outros integrantes da ARCA que participaram do início dessa organização em janeiro de 2011.

Nós ex-gestores da administração NOVOS CAMINHOS NOVAS IDÉIAS a qual orgulhosamente a cito, passamos dois anos preparando para isso, esse ano já estávamos mais ou menos organizados para colocarmos em ação, de uma vez que é exigência do FNDE aplicar pelo menos 30% dos recursos destinados a determinada despesa na AGRICULTURA FAMILIAR.

E juntos, Secretaria de Educação e Secretaria de Agricultura já vinha se preparando para isto, e já deixamos tudo organizado para esse ano de 2011, uma prova disso foi a representante da EMATERCE e o Nutricionista da Administração anterior só foram demitidos por essa que aí está, quando terminaram de concluir todo o processo, por isso a injustiça mexe com minha razão e até com a emoção.

Então eu o advirto mestre: Cuidado com a alienação dos fatos, que para toda versão existe dois lados. Não seria melhor ouvir os dois antes da divulgação?

Mantive-me calada até ontem, muito angustiada, embora com vontade de expressar minha opinião, mas com medo da repercussão, mas refletindo melhor, como você gosta de falar, não posso guardar tamanha decepção só pra mim, preciso sensibilizar com os interessados no assunto.

O nosso direito de expressão precisa ser respeitado e só exercitando alcançaremos nosso objetivo. Gostaria também de lembrá-lo de um fato, a administração anterior sempre investiu em produção familiar, você já esqueceu dos anos em que foi adquirido para Merenda Escolar o famoso IOGURTE DA ARCA?

Espero não receber respostas anônimas, pois refleti até agora para postar essas declarações e só jogo em pratos limpos com diálogo e muito respeito.

Obrigada pelo espaço.”

Ceará vai produzir energia solar

A usina está instalada em Tauá e se chama MPX Tauá
Na próxima quinta-feira, 4 de agosto, será a inauguração da primeira usina solar de geração de energia em escala comercial do Brasil. Com o equipamento, o estado do Ceará passa a ser o primeiro do País a produzir energia solar, a partir da MPX Tauá, no município de Tauá, na Região dos Inhamuns. A usina já está em funcionamento e tem capacidade inicial instalada de 1 MW, o equivalente para abastecer 1.500 famílias. De acordo com a assessoria da empresa, a MPX Tauá recebeu investimentos de cerca de R$ 10 milhões.

O município de Tauá foi escolhido devido aos bons índices de radiação solar durante todo o ano, além de se destacar em infraestrutura e em projetos pioneiros como o Cidade Digital, que oferece à população amplo acesso à internet. Durante a construção da usina solar, metade dos trabalhadores foi recrutada na cidade.

Para a instalação da usina solar de Tauá, a MPX informa que buscou equipamentos modernos e eficientes no mercado. Para isso, cita a empresa, profissionais da empresa visitaram parques na Espanha, país que, nos últimos dois anos, esteve na dianteira da instalação dessa fonte. Além disso, conhceram fábricas de produção de painéis solares no Exterior. A usina solar de Tauá tem painéis da Kyocera, fabricante japonesa com mais de 30 anos de experiência na produção desta tecnologia.

Para a instalação da usina, foi feita uma parceria entre a MPX e a Universidade Estadual do Ceará (Uece). É um acordo de cooperação para estudos e pesquisas na MPX Tauá. A Universidade, que tem campus em Tauá, fará o monitoramento dos dados obtidos na operação da usina solar. Nesse processo, os dados emitidos pela estação meteorológica da usina, como radiação solar, temperatura ambiente e temperatura na superfície dos painéis solares, serão transferidos, em tempo real, para os computadores da Uece para avaliação.

“O tratamento científico dos dados operacionais da usina solar cruzados com os dados meteorológicos serão transformados pela universidade num importante banco de dados para orientar as expansões do empreendimento”, ressalta Marcus Temke, diretor de Implantação e Operação da MPX. Dessa forma, universitários serão capacitados na área de energia solar, realizando estudos que podem ajudar na evolução do conhecimento sobre a fonte no Brasil.

Como a região de Tauá é marcada pela existência de sítios arqueológicos, o trabalho de construção da usina, durante as obras civis, envolveu a análise do terreno em busca de vestígios fósseis, a partir de levantamento palentológico, informa a MPX.

Na implantação do projeto, a MPX detalha que desenvolveu um conjunto de 12 programas voltados para questões socioambientais, com monitoramento dos ruídos, controle de erosão e assoreamento, gestão ambiental, educação ambiental e comunicação ambiental – essa considerada essencial para informar a comunidade sobre os benéficos do empreendimento.


Com informações O Povo Online

Santo do Dia: Santo Inácio de Loyola

Santo Inácio de Loyola
1491-1566
Iñigo Lopez de Loyola, este era o seu nome de batismo, nasceu numa família cristã, nobre e muito rica, na cidade de Azpeitia, da província basca de Guipuzcoa, na Espanha, no ano de 1491. O mais novo de treze filhos, foi educado, com todo cuidado, para tornar-se um perfeito fidalgo. Cresceu apreciando os luxos da corte, praticando esportes, principalmente os eqüestres, seus preferidos.

Em 1506, a família Lopez de Loyola estava a serviço de João Velásquez de Cuellar, tesoureiro do reino de Castela, do qual era aparentada. No ano seguinte, Iñigo tornou-se pagem e cortesão no castelo desse senhor. Lá, aprimorou sua cultura, fez-se um exímio cavaleiro e tomou gosto pelas aventuras militares. Era um homem que valorizava mais o orgulho do que a luxúria.

Dez anos depois, em 1517, optou pela carreira militar. Por isso foi prestar serviços a um outro parente, não menos importante, o duque de Najera e vice-rei de Navarra, o qual defendeu em várias batalhas, militares e diplomáticas.

Mas, em 20 de maio de 1521, uma bala de canhão mudou sua vida. Ferido por ela na tíbia da perna esquerda, durante a defesa da cidade de Pamplona, ficou um longo tempo em convalescença. Nesse meio tempo, meio por acaso, trocou a leitura dos romances de infantaria e guerra, por livros sobre a vida dos santos e a Paixão de Cristo. E assim foi tocado pela graça. Incentivado por uma de suas irmãs, que cuidava dele, não voltou mais aos livros que antes adorava, passando a ler somente livros religiosos. Já curado, trocou a vida de militar por uma vida de dedicação a Deus. Foi, então, à capela do santuário de Nossa Senhora de Montserrat, pendurou sua espada no altar e deu as costas ao mundo da corte e das pompas.

Durante um ano, de 1522 a 1523, viveu retirado numa caverna em Manresa, como eremita e mendigo, o tempo todo em penitência, na solidão e passando as mais duras necessidades. Lá, durante esse período, preparou a base do seu livro mais importante: "Exercícios espirituais". E sua vida mudou tanto que do campo de batalhas passou a transitar no campo das idéias, indo estudar filosofia e teologia em Paris e Veneza.

Em Paris, em 15 de agosto de 1534, juntaram-se a ele mais seis companheiros, e fundaram a Companhia de Jesus. Entre eles estava Francisco Xavier, que se tornou um dos maiores missionários da Ordem e também santo da Igreja. Mas todos só se ordenaram sacerdotes em 1537, quando concluíram os estudos, ocasião em que Iñigo tomou o nome de Inácio. Três anos depois, o papa Paulo III aprovou a nova Ordem e Inácio de Loyola foi escolhido para o cargo de superior-geral.

Ele preparou e enviou os missionários jesuítas ao mundo todo, para fixarem o cristianismo, especialmente aos nativos pagãos das terras do novo continente. Entretanto, desde que esteve no cargo de geral da Ordem, Inácio nunca gozou de boa saúde. Muito debilitado, morreu no dia 31 de julho de 1556, em Roma, na Itália.

A sua contribuição para a Igreja e para a humanidade foi a sua visão do catolicismo, que veio de sua incessante busca interior e que resultou em definições e obras cada vez mais atuais e presentes nos nossos dias. Foi canonizado pelo papa Gregório XV em 1622. A sua festa é celebrada, na data de sua morte, nos quatro cantos do planeta onde os jesuítas atuam. Santo Inácio de Loyola foi declarado Padroeiro de Todos os Retiros Espirituais pelo papa Pio XI em 1922.

Com informações Paulinas On line



30 de julho de 2011

Pro-Cidadania cai no esquecimento popular em Altaneira

Viatura do Pro-Cidadania abrindo carreata
de Tasso Jereissati em setembro de 2010
O Prefeito em exercício, vereador Raimundim, decidiu pela não renovação o Convênio do Pro-Cidadania no final de abril deste ano após um ano de atividades dos Agentes. 

Segundo o Secretário de Governo Ariovaldo Soares nenhuma pessoa do povo reclamou junto aos órgãos públicos o retorno das atividades dos Agentes. A viatura do Programa foi entregue a Polícia Militar.

Por que será que o povo não reclamou da paralisação das atividades do pro-Cidadania?

O Professor José Evantui publicou matéria no seu Blog Mandíbula com o título  S.O.S PRO-CIDADANIA DE ALTANEIRA, a matéria foi reproduzida em outros blogs no Estado, no entanto não recebeu nenhum comentário dos internautas.

O Professor Blogueiro criticou a falta de indignação da população: “O que nos espanta é que a população ainda não está preparada para reagir contra ações que tragam prejuízos ao povo. Falta indignação. Sobra acomodação e indiferença. ENTÃO DEIXO O APELO: ALTANEIRA PRECISA DOS AGENTES PRO-CIDADANIA.”

O apelo não foi atendido. O povo manteve-se indiferente ao fim das atividades dos agentes de cidadania. A Câmara Municipal iniciou uma reação visando a renovação do Convênio, mas não encontrou respaldo popular.

A comunidade altaneirense não sente falta dos agentes por que estes nunca exerceram de fato as suas funções. A maioria viu no emprego a oportunidade para andar em carro de luxo e vez por outra exercer a função de “polícia militar”.

Alguém lembra uma grande ação de cidadania dos agentes de Altaneira?

O Programa é bom, deveria ser renovado, inclusive com nova seleção e novo treinamento para contratação de novos agentes.

Vale a pena ler de novo:

Pra que serve o Pro-Cidadania?


Santo do Dia: São Pedro Crisólogo

São Pedro Crisólogo
380+450
Pedro Crisólogo, Pedro "das palavras de ouro", pois, é exatamente este o significado do seu sobrenome, dado sabiamente pelo povo e pelo qual se tornou conhecido para sempre. Ele nasceu em Ímola, uma província de Ravena, não muito distante de Roma, no ano 380. E mereceu este título, assim como os outros que a Igreja lhe concedeu.

Filho de pais cristãos, foi educado na fé e cedo ordenado diácono. Considerado um dos maiores pregadores da história da Igreja, era assistido, freqüentemente, pela imperatriz romana Galla Plácida e seus filhos. Ela o fez seu conselheiro pessoal e, em 424, influenciou para que ele se tornasse o arcediácono de Ravena. Numa época em que a cidade era a capital do Império Romano no Ocidente e, também, a metrópole eclesiástica.

Mais tarde, o próprio imperador romano, Valentiniano III, filho de Galla Plácida, indicou-o para ser o bispo de Ravena. Em 433, Pedro Crisólogo tornou-se o primeiro bispo ocidental a ocupar essa diocese, sendo consagrado pessoalmente pelo papa Xisto III.

Pedro Crisólogo escreveu, no total, cento e setenta e seis homilias de cunho popular, pelas quais dogmas e liturgias foram explicados de forma simples, direta, objetiva e muito atrativa, proporcionando incontáveis conversões.

Em 448, recebeu a importante visita de um ilustre bispo do seu tempo, Germano de Auxerre, que fatidicamente adoeceu e, assistido por ele, morreu em Ravena. Também defendeu a autoridade do papa, então Leão I, o Grande, sobre a questão monofisita, que pregava Cristo em uma só natureza. Essa heresia, vinda do Oriente, propagava-se perigosamente, mas foi resolvida nos concílios de Éfeso e Calcedônia.

Pedro Crisólogo morreu na sua cidade natal, numa data incerta. Alguns historiadores dizem que foi em 31 de julho de 451, mas ele é venerado pela Igreja no dia 30 de julho de 450, data mais provável do seu falecimento.

A autoria dos seus célebres sermões, ricos em doutrina, conferiu-lhe outro título, o de doutor da Igreja, concedido em 1729 pelo papa Bento XIII. São Pedro Crisólogo, ainda hoje, é considerado um modelo de contato com o povo e um exemplo de amor à pregação do Evangelho, o ideal de pastor para a Igreja.

Com informações Paulinas On line

29 de julho de 2011

Professores municipais receberão 16% de reajuste no Piso Salarial

Tereza Leite de Oliveira Secretária de Educação de Altaneira 
A Secretária Municipal de Educação, Tereza Leite de Oliveira, anunciou na tarde de ontem (28/07) que Prefeito em exercício Raimundim enviou mensagem à Câmara Municipal de Altaneira encaminhando Projeto de Lei propondo um reajuste salarial aos profissionais do Magistério de 16%, (dezesseis por cento).

Informa, ainda, a Secretária, que o reajuste será retroativo ao mês de fevereiro de 2011, acompanhando a decisão da Presidenta Dilma que concedeu um reajuste de 15,9% no valor aluno para o ano de 2011 naquele mês.

Segundo informações da Secretária os professores de Altaneira estão com os vencimentos congelados desde o 2009, quando foi concedido reajuste de 7% (sete por cento).

O Projeto de Lei que deverá ser aprovado na segunda semana de agosto, prevê também uma premiação aos professores do 2º. Ano como incentivo pelos resultados dos indicadores educacionais das avaliações externas, que concedem aos municípios a premiação de MELHORES DESEMPENHOS - SPAECE ALFA 2010.

“Faremos o possível no que diz respeito à valorização e incentivo aos nossos professores, pois é óbvio que o sucesso da Educação do Município deve-se exclusivamente ao empenho e o elo entre professores e gestores. Acreditamos muito na capacidade de cada um, respeitando seus limites e suas competências”  disse a Secretária Tereza Leite.

Santo do Dia: Santa Marta

Santa Marta
Séc. I
As Escrituras contam que, em seus poucos momentos de descanso ou lazer, Jesus procurava a casa de amigos em Betânia, local muito agradável há apenas três quilômetros de Jerusalém. Lá moravam Marta, Lázaro e Maria, três irmãos provavelmente filhos de Simão, o leproso. Há poucas mas importantíssimas citações de Marta nas Sagradas Escrituras.

É narrado, por exemplo, o primeiro momento em que Jesus pisou em sua casa. Por isso existe a dúvida de que Simão fosse mesmo o pai deles, pois a casa é citada como se fosse de Marta, a mais velha dos irmãos. Mas ali chegando, Jesus conversava com eles e Maria estava aos pés do Senhor, ouvindo sua pregação. Marta, trabalhadora e responsável, reclamou da posição da irmã, que nada fazia, apenas ouvindo o Mestre. Jesus aproveita, então, para ensinar que os valores espirituais são mais importantes do que os materiais, apoiando Maria em sua ocupação de ouvir e aprender.

Fala-se dela também quando da ressurreição de Lázaro. É ela quem mais fala com Jesus nesse acontecimento. Marta disse a Jesus: "Senhor, se tivesses estado aqui, o meu irmão não teria morrido. Mas mesmo agora, eu sei que tudo o que pedires a Deus, Deus dará".

Trata-se de mais uma passagem importante da Bíblia, pois do evento tira-se um momento em que Jesus chora: "O pranto de Maria provoca o choro de Jesus". E o milagre de reviver Lázaro, já morto e sepultado, solicitado com tamanha simplicidade por Marta, que exemplifica a plena fé na onipotência do Senhor.

Outra passagem é a ceia de Betânia, com a presença de Lázaro ressuscitado, uma prévia da última ceia, pois ali Marta serve a mesa e Maria lava os pés de Jesus, gesto que ele imitaria em seu último encontro coletivo com os doze apóstolos.

Os primeiros a dedicarem uma festa litúrgica a santa Marta foram os frades franciscanos, em 1262, e o dia escolhido foi 29 de julho. Ela se difundiu e o povo cristão passou a celebrar santa Marta como a Padroeira dos Anfitriões, dos Hospedeiros, dos Cozinheiros, dos Nutricionistas e Dietistas.

Com informações Paulinas On line

28 de julho de 2011

A polêmica sobre os subsídios dos Vereadores de Altaneira

Plenário da Câmara Municipal de Altaneira
O estudante Cláudio Gonçalves publicou no seu Blog “O Ponto-Chave” uma crítica relação aos subsídios dos vereadores de Altaneira, mostrando-se surpreso com os valores pagos e comparando com a remuneração da maioria dos trabalhadores.

A postagem se deu após a divulgação de reajuste concedido aos parlamentares pelo presidente em Exercício passando os subsídios dos vereadores para a quantia de R$ 2.464,00 (dois mil quatro centos e sessenta e quatro reais).

O blogueiro informa que ficou surpreso com o valor dos subsídios dos parlamentares altaneirenses e afirma: “acredito que muitas pessoas da comunidade também não tinham ou tem conhecimento desta informação”.

Indaga ainda o blogueiro: “É Justo um cidadão comum passa a semana toda trabalhando o dia todo para chegar ao final do mês e receber um Salário Mínimo e o Vereador trabalhar apenas uma, ou duas Vezes na semana, e receber o que recebe?”

O presidente em exercício da Câmara Municipal, vereador Deza Soares, afirmou que concedeu o reajuste porque há previsão legal e constitucional, havia disponibilidade de Caixa e previsão orçamentária, lembrou ainda que os subsídios dos vereadores foram fixados em dezembro de 2008 e nesse período não foi concedido nenhum reajuste.

“Vale lembrar que a Constituição Federal determina que a totalidade dos subsídios dos vereadores pode ser de até cinco por cento da receita do Município, não existe nenhuma ilegalidade, nem tão pouco exagero nos valores pagos aos vereadores” disse o presidente.

O vereador Professor Adeilton também não ver exagero no subsídio dos vereadores e afirmou que pela relevante função desempenhada pelos parlamentares pode até ser pouco os valores dos subsídios recebidos.

Por sua vez o vereador Flavio Correia disse que não se pode comparar subsídios com salário mínimo, pois cada um ganha de acordo com a função desempenhada e os vereadores não trabalham apenas um vez por semana, o povo cobra as ações dos vereadores todos os dias e o dia todo.

Os vereadores voltam do recesso na próxima terça-feira (02/08) e retomarão os trabalhos de reforma da Lei Orgânica do Município e do Regimento Interno da Casa.

Santo do Dia: Santo Inocêncio I


Santo Inocêncio I
+ 417

Inocêncio I era italiano, nasceu em Albano, uma província romana do Lazio. Ele foi eleito no ano 401 e governou a Igreja por dezesseis anos, num período dos mais difíceis para o cristianismo.

A sua primeira atividade pastoral foi uma intervenção direta no Oriente, exortando a população de Constantinopla a seguir as orientações do seu bispo, são João Crisóstomo, e assim viver em paz.

Mas um dos maiores traumas de seu pontificado foi a invasão e o saque de Roma, cometidos pelos bárbaros godos, liderados por Alarico. Roma estava cercada por eles desde o ano 408 e só não tinha sido invadida graças às intervenções do papa junto a Alarico. Pressionado pelo invasor, e tentando salvar a vida dos cidadãos romanos, Inocêncio viajou até a diocese de Ravena, onde se escondia o medroso imperador Honório.

O papa tentava, há muito tempo, convencê-lo a negociar e conceder alguns poderes especiais a Alarico, para evitar o pior, que ele saqueasse a cidade e matasse a população. Não conseguiu e o saque teve início.

Foram três dias de roubo, devastação e destruição. Os bárbaros respeitaram apenas as igrejas, por causa dos anos de contato e mediação com o papa Inocêncio I. Mesmo assim, a invasão foi tão terrível que seria comentada e lamentada depois, por santo Agostinho e são Jerônimo.

Apesar de enfrentar inúmeras dificuldades, conseguiu manter a disciplina e tomou decisões litúrgicas que perduram até hoje. Elas se encontram na inúmera correspondência deixada pelo papa Inocêncio I. Aliás, com essas cartas se formou o primeiro núcleo das coleções canônicas, que faz parte do magistério ordinário dos pontífices, alvo de estudos ainda nos nossos dias.

Também foi ele que estabeleceu a uniformidade que as várias Igrejas devem ter com a doutrina apostólica romana. Além disso, estratificou em forma e conteúdo a doutrina dos sacramentos da penitência, da unção dos enfermos, do batismo e do casamento.

Durante o seu pontificado difundia-se a heresia pelagiana, condenada no ano 416 pelos concílios regionais de Melevi e de Cartago, convocados por iniciativa de santo Agostinho e com aprovação do papa Inocêncio I, que formalmente sentenciou Pelágio e seu discípulo Celestio.

O papa Inocêncio I morreu no dia 28 de julho de 417, sendo sepultado no cemitério de Ponciano, na Via Portuense, em Roma.

Com informações Paulinas On line



27 de julho de 2011

Altaneira realiza a V Conferência Municipal de Assistência Social

Participantes da Conferência de Assistência Social
foto Fabricio Ferraz
Com o tema “Consolidar o SUAS e valorizar seus trabalhadores”, o Município de Altaneira realizou nesta terça-feira, 26, a quinta edição da Conferência Municipal de Assistência Social. O evento, promovido pela Secretaria Municipal do Trabalho e Assistência Social em parceria com o Conselho Municipal de Assistência Social, reuniu representantes da gestão pública, sociedade civil organizada, dos trabalhadores e dos usuários dos serviços de assistência social.

Na ocasião, apresentou-se uma palestra para aprofundamento do tema com a Assistente Social Eliane Pedro. Após o almoço, foram organizados grupos de trabalho, que discutiram os seguintes eixos: estratégias para a estruturação da gestão do trabalho no SUAS; reordenamento e qualificação dos serviços sócio-assistenciais; fortalecimento da participação e do controle social; e a centralidade SUAS na erradicação da extrema pobreza no Brasil.

Houve participação efetiva da plenária, que deliberou sobre as propostas apresentadas para a elaboração das políticas públicas de assistência social e escolheu os seus delegados para a Conferência Estadual de Assistência Social por meio de votação simples, elegendo representante do poder público e sociedade civil organizada.

Com informações Blog Altaneira DivulgAção.

Classes C, D e E são as que mais gastam para reformar casa

Casa Popular Reformada 
As famílias brasileiras querem um lar de cara nova. Segundo a pesquisa do Data Popular e do Clube da Reforma divulgada nesta terça-feira (26), se depender das classes emergentes, muito tijolo e argamassa serão vendidos nos próximos 12 meses.

Juntas, as classes C, D e E representam um total de quase 20 milhões de famílias com intenção de fazer algum reparo em casa, de acordo com o levantamento, que ouviu 5.000 domicílios brasileiros nas principais regiões metropolitanas, no último trimestre de 2010.

As capitais do Nordeste lideram a participação de reformas em relação aos gastos totais. Dos R$ 36 bilhões destinados a reformas no país, em 2010, mais da metade, ou 68,2%, é de famílias nordestinas. Os Estados do Norte vêm logo atrás, com 63,5%.

E quanto menor a renda, maior a intenção de repaginar o imóvel. O crescimento dos gastos com reforma das classes C e DE, entre 2003 e 2010, foi de 40% e 100%, respectivamente.

As famílias de classe AB, no entanto, preferem paredes novas a marteladas em casa. O percentual com reparos entre os mais ricos foi de apenas 0,5%, já que 19% deles querem não só tinta, mas tijolos novos.

O brasileiro com mais de trinta anos procura cuidar melhor da casa. Ali, em meio às suas paredes é que 69% querem investir seu dinheiro.

O sentimento de conforto e aconchego em casa cresce de acordo com a idade - 83% dos entrevistados com idade entre 35 e 44 anos dizem estar no lugar onde se sentem melhor. O percentual cai para 65% entre os jovens com 15 e 24 anos, indica a pesquisa.

Com informações Portal R7

Santo do Dia: São Clemente de Ochrida


São Clemente de
Ochrida
+ 916

Clemente é chamado "de Ochrida" pela sua forte ligação com aquela cidade. Mas é também conhecido como "o búlgaro", e todos os títulos são apropriados, porque durante sua vida religiosa conviveu muito tempo com esse povo, deixando marcas profundas de sua presença na Bulgária. A sua origem, seu nascimento e juventude são desconhecidos. 

No século IX, o príncipe da Morávia solicitou ao imperador de Constantinopla que lhe enviasse evangelizadores de origem germânica. Tinha a intenção de ampliar a catequização da população, mas não queria os missionários "latinos", que eram diferentes dos "germânicos" nos rituais litúrgicos. Isso era possível porque a Igreja ainda não tinha um padrão para todos os rituais católicos.

Seguiram para lá os irmãos Cirilo e Metódio, ambos germânicos, no futuro conhecidos como os "apóstolos do Oriente". Os dois irmãos levaram alguns colaboradores, um deles era Clemente. Como era muito culto e aplicado, tornou-se o colaborador direto de Metódio na adaptação da liturgia do Oriente para as populações daquela região.

Clemente fez inúmeras viagens com os dois apóstolos por todo o leste europeu, sendo um discípulo fiel na pregação do cristianismo. A evangelização do leste europeu era marcada pela rivalidade gerada com divisão entre evangelizadores "latinos" e "germânicos". Tanto assim que o próprio Clemente precisou afastar-se de uma cidade, porque um bispo não aceitava os "ritos germânicos".

Por isto, Clemente decidiu seguir para a Bulgária, onde, além de refúgio, encontrou um novo campo de ação. Lá, trabalhou na simplificação do novo alfabeto para facilitar os estudos. Também converteu à fé cristã o próprio rei, que deixou o trono e retirou-se para um mosteiro. Os outros dois reis sucessores encorajaram a obra missionária e Clemente foi nomeado "primeiro bispo de língua búlgara" para comandar a principal diocese.

Porém Clemente tinha sempre o pensamento voltado para a querida cidade de Ochrida, onde havia construído uma escola, que também era um mosteiro. Era lá que pretendia recolher-se na velhice. Mas não conseguiu, porque antes deveria pessoalmente escolher, instruir e formar o bispo substituto. No dia 27 de julho de 916 ele faleceu na cidade de Velika.

Seu corpo foi sepultado no Mosteiro de Ochrida, onde seu túmulo passou a ser visitado e venerado pela população. Em alguns lugares, por tradição popular, costuma ser lembrado no dia 25 de novembro. A Igreja Católica proclamou-o santo e escolheu o dia de sua morte, 27 de julho, para as homenagens litúrgicas.

Com informações Paulinas On line



26 de julho de 2011

Santo do Dia: Santa Ana e São Joaquim

Santa Ana e São Joaquim
Século I
Ana e seu marido Joaquim já estavam com idade avançada e ainda não tinham filhos. O que, para os judeus de sua época, era quase um desgosto e uma vergonha também. Os motivos são óbvios, pois os judeus esperavam a chegada do messias, como previam as sagradas profecias.

Assim, toda esposa judia esperava que dela nascesse o Salvador e, para tanto, ela tinha de dispor das condições para servir de veículo aos desígnios de Deus, se assim ele o desejasse. Por isso a esterilidade causava sofrimento e vergonha e é nessa situação constrangedora que vamos encontrar o casal.

Mas Ana e Joaquim não desistiram. Rezaram por muito e muito tempo até que, quando já estavam quase perdendo a esperança, Ana engravidou. Não se sabe muito sobre a vida deles, pois passaram a ser citados a partir do século II, mas pelos escritos apócrifos, que não são citados na Bíblia, porque se entende que não foram inspirados por Deus. E eles apenas revelam o nome dos pais da Virgem Maria, que seria a Mãe do Messias.

No Evangelho, Jesus disse: "Dos frutos conhecereis a planta". Assim, não foram precisos outros elementos para descrever-lhes a santidade, senão pelo exemplo de santidade da filha Maria. Afinal, Deus não escolheria filhos sem princípios ou dignidade para fazer deles o instrumento de sua ação.

Maria, ao nascer no dia 8 de setembro de um ano desconhecido, não só tirou dos ombros dos pais o peso de uma vida estéril, mas ainda recompensou-os pela fé, ao ser escolhida para, no futuro, ser a Mãe do Filho de Deus.

A princípio, apenas santa Ana era comemorada e, mesmo assim, em dias diferentes no Ocidente e no Oriente. Em 25 de julho pelos gregos e no dia seguinte pelos latinos. A partir de 1584, também são Joaquim passou a ser cultuado, no dia 20 de março. Só em 1913 a Igreja determinou que os avós de Jesus Cristo deviam ser celebrados juntos, no dia 26 de julho. 

Com informações Paulinas On line


25 de julho de 2011

Grupo de 94 romeiros chega a pé a Juazeiro

Romeiros de Mata Grande caminham na Rodovia CE-060
foto Antônio Vicelmo
Numa demonstração de fé e devoção ao Padre Cícero, 94 romeiros dos Estados de Alagoas, Sergipe, Bahia e Pernambuco chegaram a Juazeiro. O grupo procede da cidade de Mata Grande, alto sertão de Alagoas. Os devotos são liderados pelo Padre Sizino Teles Junior mais conhecido por "Padre Sizo" que, a exemplo do Padre Cícero, foi suspenso das ordens sacerdotais.

De acordo com o padre o movimento religioso faz parte de uma promessa que ele próprio fez, solicitando a sua reabilitação sacerdotal. A volta está prevista para o dia 31 de julho.

Desta vez, todos os romeiros e o padre vão de carro até Inhapi de onde seguem a pé 13 km para cidade de Mata Grande, onde serão recebidos por uma multidão. Padre Sizo garante que mais de 60 mil pessoas os esperam em Mata Grande. Vestido numa batina branca, crucifixo no peito e rosário no pescoço, o Padre Sizo é chamado pelos romeiros de "Meu Padim", o mesmo tratamento dado ao Padre Cícero. O sacerdote também os trata de "meus amiguinhos",

Esta é a quarta romaria que ele faz a Juazeiro, cumprindo uma promessa de fazer 10 viagens à terra do Padre Cícero com o objetivo, segundo afirmou, de restabelecer suas ordens sacerdotais. Na sua concepção, a graça está sendo alcançada. Na semana passada, um representante do Vaticano esteve em Mata Grande para ouvi-lo. "É sinal de que eu vou ser reabilitado. A Santa Sé começou a ouvir o outro lado da versão apresentada pelo bispo da diocese de Palmeira dos Índios", acredita.

Padre Sizo foi proibido de ministrar os sacramentos pelo bispo dom Dulcênio Fontes de Matos que, segundo o padre, quer que ele passe o santuário fundado por ele, para a igreja. O santuário foi construído em um terreno de propriedade de sua família, onde milhares de devotos buscam a paz e a cura. "A romaria a Juazeiro é um sacrifício santo e com o Coração de Jesus", justifica o sacerdote.

Por Antonio Vicelmo – Repórter DN

Santo do Dia: São Cristóvão

São Cristóvão
+250
A devoção a são Cristóvão é uma das mais antigas e populares da Igreja, tanto do Oriente como do Ocidente. São centenas de igrejas dedicadas a ele em todos os países do mundo. Também não faltam irmandades, patronatos, conventos e instituições que tomaram o seu nome, para homenageá-lo. Ele consta da relação dos "quatorze santos auxiliadores" invocados para interceder pelo povo nos momentos de aflições e dificuldades. Assim, o vigor desta veneração percorreu os tempos com igual intensidade e alcançou os nossos dias da mesma maneira.

Entretanto são poucos os dados precisos sobre sua vida. Só se tem conhecimento comprovado de que Cristóvão era um homem alto e musculoso, extremamente forte. Alguns escritos antigos o descrevem como portador de "uma força hercúlea". Pregou na Lícia e foi martirizado, a mando do imperador Décio, no ano 250. Depois disso, as informações fazem parte da tradição oral cristã, propagada pela fé dos devotos ao longo dos tempos, e que a Igreja respeita.

Ela nos conta que seu nome era Réprobo e que nasceu na Palestina. Como um verdadeiro gigante Golias, não havia quem lhe fizesse frente em termos de força física. Assim, só podia ter a profissão que tinha: guerreiro. Aliás, era um guerreiro indomável e invencível. A sua simples presença era garantia de vitória para o exército do qual participasse.

Conta-se que, estando cansado de servir aos caprichos de um e outro rei, apenas porque fora contratado para lutar em seu favor, foi procurar o maior e mais poderoso de todos, para servir somente a este. Então, ele se decidiu colocar a serviço de satanás, pois não havia quem não se curvasse de medo ao ouvir seu nome.

Mas também se decepcionou. Notou que toda vez que seu chefe tinha de passar diante da cruz, mudava de caminho, evitando o encontro com o símbolo de Jesus. Abandonou o anjo do mal e passou, então, a procurar o Senhor. Um eremita o orientou a praticar a caridade para servir ao Todo Poderoso como desejava, então ele abandonou as armas imediatamente. Integrou-se a uma instituição de caridade e passou a ajudar os viajantes. De dia ou de noite, ficava às margens de um rio onde não havia pontes e onde várias pessoas se afogaram por causa da profundidade, transportando os viajantes de uma margem à outra.

Certo dia, fez o mesmo com um menino. Mas conforme atravessava o rio, a criança ia ficando mais pesada e só com muito custo e sofrimento ele conseguiu depositar com segurança o menino na outra margem. Então perguntou: "Como pode ser isso? Parece que carreguei o mundo nas costas". O menino respondeu: "Não carregou o mundo, mas sim seu Criador". Assim Jesus se revelou a ele e o convidou a ser seu apóstolo.

O gigante mudou seu nome para Cristóvão, que significa algo próximo de "carregador de Cristo", e passou a peregrinar levando a palavra de Cristo. Foi à Síria, onde sua figura espetacular e nada normal chamava a atenção e atraía quem o ouvisse. Ele, então, falava do cristianismo e convertia mais e mais pessoas. Por esse seu apostolado foi denunciado ao imperador Décio, que o mandou prender. Mas não foi nada fácil, não por causa de sua força física, mas pelo poder de sua pregação.

Os primeiros quarenta soldados que tentaram prendê-lo converteram-se e por isso foram todos martirizados. Depois, quando já estava no cárcere, mandaram duas mulheres, Nicete e Aquilina, à sua cela para testar suas virtudes. Elas também abandonaram o pecado e batizaram-se, sendo igualmente mortas. Foi quando o tirano, muito irado, mandou que ele fosse submetido a suplícios e em seguida o matassem. Cristóvão foi, então, flagelado, golpeado com flechas, jogado no fogo e por fim decapitado.

São Cristóvão é popularmente conhecido como o protetor dos viajantes, assim como dos motoristas e dos condutores.

Com informações Paulinas On line

24 de julho de 2011

Realizada a topografia da Lagoa Santa Tereza

Topógrafo explica ao Vereador Deza Soares a metodologia do trabalho
A Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente contratou serviços de um profissional habilitado para realização do levantamento topográfico da área que envolve a Lagoa de Santa Tereza. Este é o primeiro passo importante rumo à realização de um grande projeto.

O Vereador Claudovino Soares, um dos idealizadores da proposta de urbanização e autor de trabalhos científicos sobre o assunto, acompanhou de perto os trabalhos da topografia e comentou que para ele, é o início da realização de um sonho.

O levantamento topográfico já havia sido determinado pelo Ministério Público em um Termo de Ajustamento de Conduta proveniente de uma Audiência Pública sobre o tema, porém, por falta de interesse da administração anterior, ainda não tinha sido realizado.

A topografia é um pré-requisito para a elaboração do projeto de revitalização e urbanização da Lagoa. O mapeamento serve para o planejamento das ações a serem tomadas na recuperação da área, sendo observadas as características próprias do local, na busca por melhor solução, promovendo, dessa maneira, uma melhoria contínua do meio ambiente e conseqüentemente na vida da população. 

O Secretário Ceza Cristóvão disse que imediatamente após a entrega do levantamento topográfico serão iniciados os trabalhos para elaboração do projeto final e a busca por recursos nas diversas  esferas dos governos Federal e Estadual.

Mais informações e fotos no Blog Altaneira DivulgAção.

Sargento da PM do Ceará entra com ação contra Globo por causa de cena de novela


O sargento José Adamir Bandeira Holanda Cavalcante Filho (foto), residente no Crato, apresentou no Juizado Especial da Comarca Ação Cível com pedido de indenização por danos morais contra a Rede Globo.

Segundo explicou, no último dia 29 de junho a emissora levou ao ar um diálogo na novela Insensato Coração que considerou uma desmoralização para todos os policiais militares do país. Sentindo-se ofendido, ele ajuizou o pedido de indenização e espera que os seus colegas de farda façam o mesmo.

De acordo com o Sargento Bandeira, trata-se da cena com o personagem do Delegado Rossi e Paula Cortez. Na conversa a atriz insinua que o delegado só sabe “receber propinas de motoristas bêbados” e este retruca dizendo que a mesma o estaria confundindo dizendo:  “Eu não sou guarda municipal e tampouco sou policial militar”.

O militar caririense considerou ofensas a essas duas instituições e ingressou com a ação juntando as imagens do diálogo.

Para ele, a Rede Globo tem sido contumaz neste sentindo considerando os militares ignóbeis citando o antecedente na novela “Morde e Assopra” quando colocaram personagens representando um sargento que é uma verdadeira falta de respeito para os PMs.

O policial adiantou que, caso ganhe a questão, serão 40% para a ACSMCE (Associação dos Cabos e Soldados Militares do Ceará), mais 40% para a Asprac (Associação das Praças da Região do Cariri), restando 20% para o reclamante.

Com informações Blog da Força Tática

Santo do Dia: Santa Cristina


Santa Cristina
Século III

A arqueologia não serve apenas para descobrir os dinossauros enterrados pelo mundo. Ela também pode confirmar a existência dos santos mártires que marcaram sua trajetória na história pela fé em Deus. Foi o que aconteceu com santa Cristina, que teve sua tradição comprovada somente no século XIX, com as descobertas científicas desses pesquisadores.

Segundo os mosaicos descobertos na igreja de Santo Apolinário, em Ravena, construída no século VI, Cristina era realmente uma das virgens cristãs mártires das antigas perseguições. E portanto, já naquele século, venerada como santa, como se pôde observar pela descoberta de sua sepultura, que também possibilitou o aparecimento de um cemitério subterrâneo, que estava oculto ao lado.

A arte também compareceu para corroborar seu testemunho através dos tempos. O martírio da jovem virgem Cristina foi representado pelas mãos de famosos pintores, como João Della Robbias, Lucas Signorelli, Paulo Veronese e Lucas Cranach, entre outros. Além dos textos escritos em latim e grego que relatam seu suplício e morte, que só discordam quanto à cidade de sua origem.

Os registros gregos mostram como sua terra natal Tiro, enquanto os latinos citam Bolsena, na Toscana, Itália. Esses relatos do antigo povo cristão contam que o pai de Cristina, Urbano, era pagão e um oficial do Império Romano, que, ao saber da conversão da filha, queria obrigá-la a renunciar ao cristianismo. Por isso decidiu trancar a filha numa torre na companhia de doze servas pagãs.

Para mostrar que não abdicava da fé em Cristo, Cristina despedaçou as estátuas dos deuses pagãos existentes na torre e jogou, janela abaixo, as jóias que as adornavam, para que os pobres pudessem pegá-las. Quando tomou conhecimento do feito, Urbano mandou chicoteá-la e prendê-la num cárcere. Nem assim conseguiu a rendição da filha, por isso a entregou aos juízes.

Cristina foi torturada terrivelmente e depois jogada numa cela, onde três anjos celestes limparam e curaram suas feridas. Como solução final, o governante pagão mandou que lhe amarrassem uma pedra ao pescoço e a jogassem num lago. Novamente, anjos intervieram: sustentaram a pedra, que ficou boiando na superfície da água, e levaram a jovem até a margem do lago.

As torturas continuaram, mesmo depois de seu pai ser castigado por Deus e morrer de forma terrível. Cristina ainda foi novamente flagelada, depois amarrada a uma grade de ferro quente e colocada numa fornalha superaquecida, mordida por cobras venenosas e teve os seios cortados, antes de, finalmente, ser morta com duas lanças transpassando seu corpo virgem. Assim o seu martírio foi divulgado pelo povo cristão desde 23 de julho de 287, data de sua morte. A festa de Santa Cristina foi confirmada e mantida pela Igreja neste dia.

Com informações Paulinas On line

23 de julho de 2011

Festival Patativa do Assaré na Região do Cariri

Dupla Zé Eufrásio e Silvio Granjeiro se apresenta em Jardim
De caráter itinerante, o III Festival de Repentistas e Trovadores Patativa do Assaré chega à região do Cariri.

A música popular vai utilizar como palco as principais praças da região, permanecendo por dois dias em cada cidade.

Mauriti recebeu o festival nos dias 20 e 21 e ontem e hoje (23/07), a cantoria se deu na cidade de Jardim, onde foi realizando desafios entre violeiros e apresentações da música tradicional nordestina, já bem conhecida e admirada pelo público da região.

Entre as atrações que se apresentaram nas duas cidades, destaque para o cantor Betinho Aguiar e o grupo Batuta Nordestina.

A previsão da programação das cantorias, trovas e repentes é percorrer 20 cidades do Ceará visando fortalecer ainda mais o intercâmbio entre os artistas do Estado e incentivar a produção e divulgação da cultura local.

O Festival é uma realização é do Instituto Internacional de Artes e Cantorias – INTERCANTO e tem patrocínio do Ministério da Cultura.

O Secretário Municipal de Cultura Wberlandio de Oliveira está contatando os organizadores do Festival para apresentação em Altaneira.
Publico lota a Praça em Jardim para conferir o festival
As fotos acima foram postadas no Twitpic pelo cantor, compositor, repentista, blogueiro e twitteiro, Tião Simpatia, que também se apresentou no Festival em Jardim. 

Vigilância Sanitária inutiliza mais de 300 Kg de produtos químicos e resíduos hospitalares em Altaneira

Técnico da empresa contratada recolhe produtos 
químicos - foto Fabricio Ferraz
A Vigilância Sanitária do Município de Altaneira, inutilizou o total de 344 Kg de produtos químicos, remédios vencidos e resíduos hospitalares através de empresa contratada para esta finalidade.

Esta é a segunda coleta que a empresa FLAMAX realizou no Município, a primeira conforme divulgado aqui no Blog foi uma coleta experimental, uma demonstração dos trabalhos visando a sua contratação.

Vale aqui lembrar que antes todo esse material era jogado ao ar livre, no lixão da cidade. Com a contratação da empresa essa situação mudou e a realidade agora é outra, todo o material apreendido pela Vigilância Sanitária e os materiais proveniente do Hospital e dos PSF´s serão transportados pelo empresa para o destino correto.

Confira os materiais recolhidos:
a) Primeira coleta:
1 - Remédios vencidos .... 72 Kg;
2 – Bioquímicos e Perfurocortantes ... 128 Kg.

b) Segunda coleta:
1 – Remédios vencidos ........... 57 Kg;
2 – Resíduos Hospitalares ..... 59 Kg;
3 – Perfurocortantes ............. 28 Kg.

O Secretário Municipal de Saúde, Dariomar Soares, disse que a destinação correta dos produtos químicos e dos resíduos hospitalares sempre foi um grande preocupação, pois antes eram jogados ao ar livre no lixão. "Estamos fazendo diferente, dando a destinação correta aos resíduos e produtos químicos e ainda estamos cuidando bem do povo que deve ser a maior preocupação do gestor público" disse Dariomar.

Com informações Claudio Gonçalves Blog Ponto Chave

Juazeiro acorda para um novo século

Estatua do Pe. Cicero em Juazeiro do Norte - foto Cicero Vieira
O lugar de acolhida da “Nação Romeira” é agora cidade centenária. Juazeiro do Norte comemorou ontem seus primeiros cem anos com desfiles nas ruas e, como não poderia faltar em terra de tantas esperanças e gratidões, devoção nas igrejas.

Às 5 horas da manhã, queima de fogos em praças da cidade anunciava que o relógio regressivo marcando os dias para o centenário estava zerado. Já no começo da manhã, a rua São Pedro, das mais importantes do comércio, parou para acompanhar a passagem de fanfarras, grupos de lapinhas e encenações.

Não faltaram reverências a grandes nomes da história da cidade, como Padre Cícero, beatas Mocinha e Maria de Araújo e Floro Bartolomeu.

Batina, chapéu e cajados preto, o moreno Jackson Roseno, 10, teve o rosto pintado de branco para representar Padre Cícero no desfile cívico da manhã de ontem. “Ele era um padre muito bom que combatia os crimes”, conta Jackson. Para ele, morar na cidade é bom “porque aqui é terra sagrada”.

Logo atrás vinha a mais antiga lapinha em atividade na cidade: a Lapinha Santa Clara, comandada até a morte, em 2009, da mestra da cultura dona Tatai. A tradição, explica Felipe Gomes, coordenador, vem da França, mas ganhou contornos locais. “Tem da representação dos astros até personagens característicos de Juazeiro, como o Padre Cícero”.

O desfile cívico na cidade de tanta religiosidade católica abriu espaço para outros credos, com a passagem de mães e filhas de santo. “Na umbanda também tem padrinho ‘Ciço’, Santo Antônio...”, cita a filha de santo Adelina de Mendonça, 64.

À tarde, casamento coletivo de cem casais marcou a festa pelo centenário no ginásio poliesportivo da cidade. Os vestidos de todas as cores das noivas e os olhares nervosos dos noivos deram a marca na cerimônia.

Ontem foi o dia em que, depois de 23 anos juntos, Sebastião de Melo Neto e, agora com novo nome civil, Ana Rita de Melo, ambos com 40, pedreiro e doméstica, enfim disseram: “aceito”. “Minhas filhas ficaram muito alegres quando souberam”, sorri Ana Rita, que já é avó.

No fim da tarde, depois do atraso de políticos que disputavam lugar na basílica de Nossa Senhora das Dores, o bispo dom Fernando Panico celebrou missa solene. E os festejos não paravam. A programação contava ainda com entrega de comendas, lançamento de selos e carimbos, além de show de Ivete Sangalo e outras atrações.


Com informações O Povo Online