24 de fevereiro de 2013

Altaneira precisa de um Museu?

imóvel residencial na Rua Apolonio de Oliveira com fachada original - foto arquivo do Blog
Voltou a ser tema recorrente nas redes sociais a necessidade de criar um Museu na cidade. A proposta foi levantada pelo comerciante Mauricio Caldas como sugestão para o prefeito municipal Delvamberto Soares (PSB) aplicar uma verba de emenda parlamentar do deputado Danniel Oliveira (PMDB).

A proposta recebeu apoio de vários jovens, mas não foi defendida por nenhuma pessoa do atual Governo. O estudante Pedro Rafael em comentário a postagem sobre o tem no blog postou: "A construção do museu também seria de bom grado, só que nesse feito os gastos poderiam ser minimizados, usando alguma residência que tenha grande significado para a cidade e que represente o inicio de tudo, de preferência as margens da lagoa, fazendo apenas uma reforma mantendo toda a estrutura original e recolhendo junto a população artefatos que possam ser mostrados criando assim um museu genuinamente alltaneirense."

Pedro Rafael foi muito feliz na sua colocação pois ainda existem residências do início do século passado na Rua Apolonio de Oliveira que poderia abrigar o Museu da Cidade.

Museu é, na definição do International Council of Museums  - ICOM, "uma instituição permanente, sem fins lucrativos, a serviço da sociedade e do seu desenvolvimento, aberta ao público e que adquire, conserva, investiga, difunde e expõe os testemunhos materiais do homem e de seu entorno, para educação e deleite da sociedade".

Os museus tiveram origem no hábito humano do colecionismo, que nasceu junto com a própria humanidade. Desde a Antiguidade remota o homem, por infinitas razões, coleciona objetos e lhes atribui valor, seja afetivo, cultural ou simplesmente material, o que justifica a necessidade de sua preservação ao longo do tempo. Milhares de anos atrás já se faziam registros sobre instituições vagamente semelhantes ao museu moderno funcionando. Entretanto, somente no século XVII se consolidou o museu mais ou menos como atualmente o conhecemos.

Depois de outras mudanças e aperfeiçoamentos, hoje os museus, que já abarcam um vasto espectro de campos de interesse, se dirigem para uma crescente profissionalização e qualificação de suas atividades, e se caracterizam pela multiplicidade de tarefas e capacidades que lhes atribuem os museólogos e pensadores, deixando de ser passivos acúmulos de objetos para assumirem um papel importante na interpretação da cultura e na educação do homem, no fortalecimento da cidadania e do respeito à diversidade cultural, e no incremento da qualidade de vida. Porém, muitos dos conceitos fundamentais que norteiam os museus contemporâneos ainda estão em debate e precisam de clarificação.

Nos vizinhos municípios de Assaré, Nova Olinda e Santana do Cariri existem museus que recebem visitações publicas incentivando assim a geração de emprego e renda. Altaneira é carente nessa área e os gestores não demonstraram nenhuma preocupação com o tema, corremos o risco de ficar um Município sem historia.

Em 2007 denunciamos, ainda na rede social Orkut, que nosso patrimônio histórico e cultural estava sendo destruído, principalmente nas fachadas de prédios comerciais e residências, nenhuma providencia foi adotada e perdemos mais algumas fachadas. No Mercado Publico, que é todo particular, apenas dois pontos comerciais permanecem com as fachadas originais.

Confiram fotos de prédios selecionados em 2007:



Nenhum comentário:

Postar um comentário

A Administração do Blog de Altaneira recomenda:
Leia a postagem antes de comentar;
É livre a manifestação do pensamento desde que não abuse ou desvirtuem os objetivos do Blog.