8 de julho de 2016

Pré-candidatos em Altaneira não comunicam afastamentos

Mozaico com possíveis pré-candidatos servidores públicos
Da atual composição da Câmara Municipal de Altaneira cinco dos nove membros são servidores públicos. A legislação eleitoral determina que o servidor público que se candidatar deve desincompatibilizar-se três meses antes do pleito, mas nenhum dos pré-candidatos comunicou, em público, a solicitação de afastamento das funções.

Até as eleições passadas o afastamento se dava após a convenção, mas este ano as convenções serão realizadas apenas a partir do dia 20 de julho o que obriga o servidor a se licenciar sem sequer ter a certeza da candidatura.

Dos atuais membros do Legislativo Municipal apenas os dois líderes Deza Soares (Minoria) e Professor Adeilton (Maioria) não manifestaram disposição em candidatar-se, mas como não divulgaram pedido de afastamento a dúvida persiste.

O vereador Gilson Cruz (PT) a vereadora Zuleide Ferreira (PSDB) são professores municipais, o primeiro está afastado das funções e a segunda está de férias, já o vereador Genival Ponciano (PTB) é motorista no Município de Assaré. As suplentes Robercivania Oliveira (Solidariedade) e Francisca Maurício (PCdoB) são professoras do Estado e do Município, respectivamente, mas também não informaram afastamento.

Outro que não informou publicamente seu afastamento é o Garoto Beleza, João Alves, que além do serviço público deveria se afastar também das funções de repórter da Rádio Comunitária Altaneira FM.

A pré-campanha em Altaneira é uma das mais tranquilas dos últimos pleitos, apesar do curto espaço para a propaganda eleitoral os pré-candidatos tem usado pouco as redes sociais para contato com os eleitores.

Em outros municípios os prováveis candidatos aproveitaram o período de desincompatibilização para se apresentar ao eleitor.

Ainda não houve comunicação das datas das convenções partidárias.