20 de dezembro de 2013

Chuvas ultrapassam média de dezembro no Interior do Ceará

Choveu em 43 municípios do Ceará nos últimos dois dias. As chuvas, concentradas nas regiões dos Inhamuns, Cariri e Jaguaribana, elevaram a média dos índices pluviométricos do Estado neste mês para 32,5 milímetros. 

De acordo com dados da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme), o número representa um aumento de 24,1% em relação à média histórica de dezembro, que é 26,2 milímetros. 

Segundo Cláudia Rickes, meteorologista da Funceme, as chuvas são consequência de dois fenômenos atmosféricos típicos da pré-estação (meses de dezembro e janeiro), período que antecede a quadra chuvosa (fevereiro a maio): o Vórtice Ciclônico de Altos Níveis (VCAN) e a Zona de Convergência do Atlântico Sul (ZCAS). “É comum nessa época do ano, os dois sistemas atmosféricos atuarem principalmente na região Centro-sul do Estado. Tais chuvas eram esperadas e podem se estender ainda até o final da semana”, afirma a meteorologista.

Cláudia explica ainda que as chuvas no período de pré-estação não mantêm relação com as chuvas do período seguinte. “São fenômenos diferentes. Enquanto as chuvas de dezembro e janeiro são motivadas principalmente pelo VCAN, a partir de fevereiro a Zona de Convergência Intertropical (ZCIT) é que determina se haverá boas chuvas ou não”.

Os municípios de Barros (167,2 mm), Abaiara (122 mm) e Milagres (120 mm), na Região do Cariri, apresentaram os maiores índices na chuva dos últimos dois dias e também do mês de dezembro, até o momento. Na Região Jaguaribana, choveu em Icó (68 mm), Pereiro (13,3 mm), Orós, Potiretama e Jaguaribe. Em Altaneira foi 62mm.

Com informações O Povo Online

Confira o quadro das chuvas no Cariri: