8 de novembro de 2014

Estado de emergência é mantido em 176 dos 184 municípios

O governador Cid Gomes (Pros) manteve estado de emergência por causa da seca em 176 dos 184 municípios do Estado do Ceará. A última atualização da relação havia ocorrido em março deste ano e trazia o mesmo número de municípios em emergência. 

A lista, que vigorará por 180 dias, inclui publicação do Diário Oficial do Estado de quinta-feira (06/11) e segue para o Ministério da Integração Nacional. 

A atualização ocorre para que agricultores familiares e moradores destes municípios possam receber auxílios do Governo Federal. Entre eles, está o Bolsa Estiagem, programa pelo qual cada produtor afetado pela seca recebe R$ 80,00.

De acordo com Nelson Martins (PT), secretário estadual do Desenvolvimento Agrário, “esses municípios continuarão tendo acesso aos carros pipas, às adutoras, a todas as ações emergenciais do Comitê da Seca”. Ele afirma que ações de longo prazo estão sendo feitas.

Segundo texto publicado pelo governador, os 176 municípios em emergência estariam sofrendo de “sérios problemas no abastecimento para o consumo humano e animal”, após insuficiência na recarga dos mananciais.

Escapam da lista apenas Fortaleza, Juazeiro do Norte, Barbalha, Guaramiranga, Horizonte, Maracanaú, Eusébio e Itaitinga. Entre os municípios listados, estão grandes cidades como Sobral, Maranguape e Caucaia.

Com informações O Povo Online