24 de fevereiro de 2015

Chuvas não conseguem alterar volume de açudes do Ceará

Açude Valério em Altaneira, popularmente conhecido por Açude do Pajeu (Foto: João Alves)
O Ceará continua registrando chuvas intensas graças a um Vórtice Ciclônico de Altos Níveis que, desde a última semana, favorece a formação de nuvens no Nordeste. A atuação do sistema, conforme a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme), deve provocar precipitações no Estado até amanhã. Porém, apesar das chuvas, o volume total armazenado nos açudes do Ceará segue inalterado. 

Ontem (23/02), segundo boletim da Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh), os 149 reservatórios monitorados possuíam 19,03% da capacidade total. Nas semanas anteriores, o volume chegou a 19,33%. Das 11 bacias hidrográficas do Estado, apenas a do Sertão de Crateús teve aumento no nível - passando de 0,35% para 0,46%. Os dados, divulgados em boletins da companhia, se referem aos últimos dias 12 e 20. A bacia de Crateús é considerada uma das mais críticas em relação ao abastecimento - acompanhada pelas bacias Banabuiú, Baixo Jaguaribe e Curu.

Por causa do vórtice, há previsão de tempo nublado com chuva em todas as regiões do Ceará. A Funceme divulgou que as precipitações motivadas pelo sistema fazem parte da quadra chuvosa oficial. “Mas precisariam ser ainda mais regulares para que os índices atingissem a média histórica”, registrou o órgão.

Na última sexta-feira (20/02), a fundação divulgou que haviam sido registrados, até a data, 52,4 mm de chuvas durante o mês de fevereiro. A média histórica do período é de 127,1 mm. Ontem (23/02), a quantidade de precipitações registradas em todo o Estado somava 73,6 mm. O aumento de 21,2 mm em apenas um fim de semana foi atribuído à forte ação do vórtice.

Segundo o meteorologista Raul Fritz, da Funceme, a média de chuvas no Ceará é auferida a partir de um cálculo específico, que apenas lembra uma média aritmética. “O vórtice se desloca e, com a mudança de local, ele muda a área de atuação das chuvas relacionadas a ele. Pelos próximos dias deve haver chuva. Na quarta-feira (amanhã) já poderá diminuir bastante a ocorrência, mas ainda deve haver chuva moderada. O vórtice está atuando em todo o Estado”, comentou o meteorologista.

O sistema acontece nos meses de janeiro e fevereiro, com pouca possibilidade de exercer alguma influência para ocorrência de chuvas nos meses de março, abril e maio. Para esse período, a esperança é que a Zona de Convergência Intertropical traga chuvas ao Ceará. Na última semana, a Funceme divulgou um prognóstico para esses meses, que são os últimos da quadra chuvosa. As chances que chova abaixo da média no Ceará são de 50%.

O Garoto Beleza, João Alves visitou Açude Valério, popularmente conhecido por Açude Pajeu no Carnaval e registro imagens do reservatório que abastece a nossa cidade e registrou o baixo volume.

O último levantamento da Cogerh aponta que o reservatório está com apenas 49,27% da sua capacidade que é de 1.868.000m². dados de ontem.

Com informações O Povo Online