25 de fevereiro de 2015

Tasso quer que Senado investigue cancelamento de refinaria no Ceará

O senador Tasso Jereissati (PSDB) quer uma investigação sobre as razões do cancelamento do projeto da refinaria Premium II, que seria construída no Ceará pela Petrobras. 

Requerimento nesse sentido foi protocolado ontem à tarde pelo parlamentar cearense na Comissão de Meio Ambiente, Defesa do Consumidor e Fiscalização e Controle.

Segundo ele, é inconcebível que "depois de tantos anos e de tantas promessas, de investimentos, em finanças e sonhos, que a Petrobras tome a decisão sem se dignar a explicitar as razões ou justificar sua decisão". Foi, para o tucano, uma demonstração de desrespeito das autoridades federais com os cearenses.

No requerimento, Tasso lamenta o que considera "exploração política" do caso. "Não é descabido imaginar que fomos todos vítimas, ao longo desses anos, de uma ardilosa mentira e, na realidade, a Petrobras nunca esteve realmente comprometida com o projeto".

Tasso destaca o cálculo de que o próprio governo do Ceará estima ter feito investimentos de R$ 675 milhões para receber a refinaria. “Um empreendimento de tal envergadura merecia um contrato que fosse capaz de garantir ressarcimento diante de perdas e danos para o erário”. disse o senador.

Com informações O Povo Online