30 de maio de 2016

Senador Eunício é vaiado durante festa do Pau da Bandeira em Barbalha

Imagem capturada do vídeo do coletivo Mídia Ninja (Reprodução)
O senador Eunício Oliveira (PMDB-CE) foi hostilizado por um grupo de pessoas durante a participação dele na festa do Pau da Bandeira de Santo Antônio, na manhã deste domingo, 29, no município de Barbalha, a 408 km de Fortaleza. Um vídeo publicado pelo coletivo Mídia Ninja mostra o momento da ação.

Sob gritos de golpista, o líder do PMDB no Senado aparece sorrindo, enquanto caminha entre a multidão. Até o fechamento desta postagem o vídeo tinha recebido 4.306 curtidas, 156.573 visualizações, 7.300 compartilhamentos e milhares de comentários.

Por meio de nota, Eunício se pronunciou sobre a situação. "Estavam em Barbalha 25 manifestantes, organizados para fazer vídeos e ocupar canais dedicados na internet, achando que gritos podem conter a vontade popular. Senador Eunício respeita a livre manifestação, diferente de outros políticos do Ceará que agridem professores e jovens".

O cortejo do Pau da Bandeira é um dos festejos mais tradicionais do Ceará são mais de 200 anos de tradição e reúne mais de um milhão de pessoas por ano.

Eunício Oliveira conduziu ainda no sábado (28/05), edição do encontro regional do PMDB, realizado no município de Milagres, no Cariri. Segundo o partido, cerca de 5 mil pessoas foram ao Patronato Dona Zefinha Gomes debater o futuro do Ceará. Na ocasião, Eunício disse que a situação do Estado é "caótica". "O Ceará está abandonado e nossa meta é salvar o Estado deste colapso generalizado", afirmou.

O senador destacou, durante entrevista coletiva, que a população "não pode pagar, em nenhuma hipótese, pela inoperância do Estado com o abandono de obras" e citou dentre a a Refinaria da Petrobras, o hospital Regional de Quixeramobim,  o Acquario Ceará e o Centro Olímpico.

Com informações O Povo Online