14 de agosto de 2017

Presidente do PDT propõe chapa quase pura no Ceará

O presidente do PDT, Carlos Lupi, anunciou que o partido já tem chapa para as eleições de 2018 no Ceará. 

Em encontro regional do partido em São Gonçalo do Amarante, no último sábado, o dirigente afirmou que a chapa terá Ciro Gomes para presidente, Camilo Santana (PT) para governador e lançará ainda dois candidatos para as vagas no Senado: Cid Gomes e André Figueiredo.

“Pedindo desculpa por antecipar, eu tenho uma fórmula. A minha fórmula é do Ceará para o Brasil. O meu projeto é com Ciro presidente, Camilo governador, Cid e André senadores”, anunciou Lupi. O apoio à reeleição do governador petista já havia sido declarado independentemente de o cenário nacional indicar disputa entre Ciro e um nome do PDT.

Movimento contraria histórico dos irmãos Ferreira Gomes. Nos últimos pleitos, eles foram os últimos a anunciar seus candidatos e chapas. A menos que os nomes mudem, o que parece improvável considerando o quadro do PDT, a disputa de 2018 já começou diferente para o grupo político cearense.

Durante o discurso, Lupi destacou a resistência de André e Cid em aceitar seu pedido de candidatura. Senadores concorrem em eleições majoritárias e têm mais dificuldades de se eleger que deputados, por exemplo. Precisam da maioria dos votos.

“Cid, muito obrigado, teu Estado é um exemplo, com as contas em dia, mas o povo te quer com a tua coragem que colocou o dedo na cara do Eduardo Cunha. Cid no Senado junto com André – um bate e o outro esfola. Esses ladrões vão sair correndo”, disse Lupi ao grupo de expectadores que acompanhavam o encontro.

Em entrevista ao jornal O POVO, Cid evitou comentar o assunto. De acordo com o ex-governador, há problemas mais urgentes a resolver e esse tipo de processo não pode se tratar de “projeto pessoal”.

Outros candidatos devem surgir em em 2018, uma vez que os mandatos de oitos anos dos senadores Eunício Oliveira (PMDB) e José Pimentel (PT) terminam. Somente Tasso continua no Senado, eleito em 2014.

Eunício já sinalizou que deverá concorrer ao governo mais uma vez contra Camilo Santana. O PT poderá lançar o deputado José Guimarães ao Senado. No Governo, quem já manifestou interesse na disputa foi o deputado estadual Capitão Wagner.

O panorama político no Ceará na visão de Carlos Lupi é o seguinte:

Com informações O Povo Online