16 de novembro de 2018

Altaneirenses defendem médicos cubanos


Altaneira desde dezembro de 2013 conta com dois profissionais cubanos que atendem no Município através do Programa Mais Médicos  do Governo Federal.

O Dr. Pablo Ricardo Hechavarria e a Dra Yaqueline Teutor Veranes ao longo desse período ganharam a confiança e o respeito dos altaneirenses pela atenção nos atendimentos e acertos nos diagnósticos.

A notícia da possibilidade ruptura dos contratos com os cubanos gerou debate na cidade e grandes preocupações com a probabilidade dos médicos cubanos deixem o Município.

Socorro Duarte foi a primeira a comentar a postagem do BA na rede social Facebook, disse que se consultou várias vezes com a Dra Yaqueline dizendo ser a mesma uma “médica maravilhosa” e que atende muito bem os paciente.

“Uma grande perca para nossa Altaneira quem mais sofre são as pessoas carentes. Obrigada doutora pelo seu belíssimo trabalho, vamos sentir muita falta de você” comentou Socorro.

Martha Wanneik também afirmou que os cubanos são excelentes médicos e reforçou: “Se saírem vai ser uma perca muito grande para o nosso município”.

Socorro Nogueira também considera os cubanos  excelentes médicos  disse que são “muito amável com todo mundo” e que seria uma pena se eles deixassem Altaneira.

Toinha Oliveira também lamentou a possibilidade perder uma médica maravilhosa e “atenciosa com o próximo”.

Andre Firmino, Antonio Melo e Diana Neres também elogiaram os profissionais e o ex-vereador Genival Ponciano lembrou que o Município de Assaré também perde com a saída dos cubanos.

O ex-prefeito Delvamberto Soares disse que Altaneira dispõe de dois excelentes médicos cubanos, reforçou que são profissionais comprometidos com a saúde pública do município e que acreditam se eles tiveram a oportunidade devem permanecer no País.

Até o fechamento da postagem nenhum gestor municipal se manifestou sobre a possibilidade dos cubanos deixarem o Município.

Clique aqui e confira a postagem sobre chegada dos médicos cubanos em Altaneira