14 de abril de 2014

Eunício atrai membros de DEM, PV e PRB e diz que não entrega cargos

Palanque pluripartidário em evento no PMDB em Russas (Foto: Divulgação)
Percorrendo o interior do Estado para fortalecer sua pré-candidatura ao Palácio da Abolição, o senador Eunício Oliveira, presidente do PMDB cearense, reuniu representantes de outros partidos que apoiam seu projeto em evento do PMDB no sábado, em Russas, a 165 km de Fortaleza. Eunício discursou na companhia dos deputados estaduais João Jaime (DEM), Ronaldo Martins (PRB) e Roberto Mesquita (PV), críticos da administração do governador Cid Gomes (Pros). 

Segundo informações do blog Sobral de Prima, Eunício afirmou em coletiva à imprensa que o governador tem autoridade para tirar quem e quando ele quiser de sua equipe. Porém, disse que não entregará os cargos que peemedebistas ocupam na gestão estadual.

Como mostrou O POVO na sexta, o peemedebista indicou três titulares de pastas com forte impacto estratégico e eleitoral, que somam juntas orçamentos superiores a R$ 62 milhões: a Secretaria de Recursos Hídricos do Ceará, a Controladoria Geral do Estado e o Conselho de Políticas e Gestão do Meio Ambiente.

Embora Eunício diga que ainda busca manter a aliança com o governador, o deputado federal Mário Feitoza (PMDB) afirma que o rompimento já se deu. Feitoza antecipa que o desempenho do governo Cid no combate à violência será ressaltado na campanha do PMDB. O setor é o mais criticado da atual gestão estadual.

“O partido está pronto, unido e quer marchar com um bom programa, principalmente valorizando água, segurança e saúde, porque o trabalho ficou incompleto pelo governador Cid, e ele sabe disso”, declarou ao jornal O POVO na semana passada.

Eunício estabeleceu 30 de abril como prazo para que Cid Gomes responda ao pedido de apoio feito por ele em conversa no mês passado. Não há no Pros qualquer indicação de que o partido possa abrir mão da indicação para apoiar Eunício.

No começo do mês de maio, o PMDB vai promover encontro em Fortaleza, ocasião em que deverá ser oficializada a candidatura de Eunício ao Governo do Estado.

Com informações O Povo Online