12 de dezembro de 2014

Tucanos busca filiados para fortalecer sigla no Ceará

Após o ressurgimento do PSDB no Ceará com a eleição do senador Tasso Jereissati e de outros membros da sigla neste ano, o grupo político promove, hoje, evento em busca de novos filiados para o partido. Objetivo dos tucanos é fortalecer o partido nas eleições municipais de 2016 para ganhar fôlego na disputa presidencial de 2018. 

O presidente estadual do PSDB, Luiz Pontes, destaca que, após as eleições de 2014, aumentou o número de pessoas que manifestaram interesse em se filiar ao partido. Neste ano, o único parlamentar da sigla é o deputado federal Raimundo Gomes de Matos. Com o último pleito, além da reeleição do deputado, o PSDB terá Carlos Matos como deputado estadual e Tasso como senador.

Os três eleitos estarão presentes no evento de filiação, marcado para as 18 horas, no antigo Comitê Praia.

A busca por aumentar os quadros da legenda demonstra a preocupação do PSDB em se reerguer e ganhar força política nas eleições municipais. “2016 é um termômetro das eleições de 2018”, pontua o deputado Gomes de Matos.

Gomes afirma que a bancada do PSDB no Nordeste e o presidente nacional, o senador Aécio Neves, têm ciência de que é necessário fortalecer a capacitação política na Região.

De acordo com Luiz Pontes, em março de 2015, o PSDB deve realizar as convenções municipais para encaminhar os filiados para as convenções estadual e nacional nos meses seguintes. “Vamos renovar os diretórios e fortalecer o partido para termos candidatos a prefeito e vereador no maior número de municípios possível”, disse Pontes.

Em 2014, o PSDB se aliou ao PMDB em prol da eleição de Tasso e do candidato derrotado ao governo, Eunício Oliveira. O senador já anunciou que os partidos que compõem a aliança iniciaram o diálogo para a disputa nas próximas eleições.

Em Altaneira no Sistema de Filiação do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) consta uma relação de 122 filiados, mas facilmente constata-se nomes de pessoas falecidas e outras que não mantém nenhum vinculo mais com o partido e seus líderes.


Com informações O Povo Online