6 de dezembro de 2017

"ALTANEIRA e DARIOMAR – CIDADE QUE PERDE, PREFEITO QUE DECEPCIONA" por Augusto Monteiro

Dariomar nos braços do Povo após o encerramento da apuração em 2016 (Foto arquivo do Blog)
O prefeito de Altaneira, mais conhecido por DARIOMAR, não pensou duas vezes para, de maneira irresponsável, encher a prefeitura de dezenas de cargos comissionados.

Agora, de forma eufemística, diz que a medida é para conter gastos públicos, para obedecer à Lei de Responsabilidade Fiscal. E é? E quando o senhor nomeou esse EXÉRCITO de FAZ-QUE-FAZ estava fora de si?

Uma continha de matemática não lhe veio à mente quando subtraiu essa dinheirama toda da RECEITA do seu município?

O senhor é do PT. Partido que prega a MORALIDADE e agora?

Tenho certeza de que o eleitor não o elegeu para fazer essas esquisitices e, claro, para ser mais sincero, o PT não o colocou aí para rasgar a CARTILHA DOS BONS COSTUMES ADMINISTRATIVOS.

O cidadão altaneirense confiou no senhor e esperava pelo menos um mínimo de excelência administrativa. Se essa turba toda era essencial para a prefeitura, é de se esperar que ela feche e fique à espera do retorno deles.

E pensar que nos palanques o senhor estufava o peito e bradava para quem quisesse ouvir que um NOVO TEMPO estava por vir. É evidente que para o povo de Altaneira veio um TEMPO NOVO (não é mais passado), porque um NOVO TEMPO (mudança) ainda está por vir.

Bons tempos aqueles das promessas “cheias de certeza”. Ainda há tempo, três anos ainda estão por vir. Dúvida cruel.