7 de outubro de 2018

TRE-CE mantém Lei Seca em 40 municípios cearenses

Última Sessão Plenária do TRE antes das Eleições (Foto: Divulgação)
Durante Plenária realizada na tarde de ontem(06/10) o Tribunal Regional Eleitoral do Ceará (TRE-CE) decidiu, por unanimidade, pelo indeferimento da ação que pedia a suspensão da Lei Seca nos municípios cearenses.


O pedido de liminar foi solicitado pelo Sindicato de Restaurantes, bares, barracas de praia, buffets e similares do estado de Ceará, que requeria que a comercialização continuasse normal. Quarenta municípios, incluindo Fortaleza, adotam a Lei Seca, que veda a venda e o consumo de bebidas alcoólica das 0 horas às 19 horas de hoje, primeiro turno de votação.

Durante a manhã, foram sorteadas as urnas para participar de auditorias, realizadas pelo tribunal. Oito foram selecionadas para procedimento que é novidade destas eleições. Realizado nas próprias sessões eleitorais antes do horário de votação, ele consiste na verificação da autenticidade e integridade dos sistemas das urnas.

Outras quatro duas de Fortaleza, uma de Pedra Branca e uma de Jaguaribe foram sorteadas para participar da votação paralela, que ocorre a partir das 19 horas de hoje. Nela, a votação em cédulas depositadas em urna de lona são comparadas com os resultados das urnas eletrônicas por estudantes da rede pública e privada.

Durante todo o dia, a movimentação no TRE-CE foi tranquila. Edna Saboia, coordenadora das eleições, informou que aconteceram menos problemas com as urnas do que nas eleições de 2016, embora ainda não tenham números exatos. A coordenadora disse ainda que, mesmo com alto número de cargos a serem apurados, a instituição pretende ter todos os resultados antes da meia-noite de hoje.

Com informações portal O Povo Online