14 de setembro de 2018

Camilo elogia Haddad e diz que presidenciável é 'preparado'

Camilo discursou para a militância durante ato pró-Haddad (Foto: Alex Gomes)
Participando de evento do PT com movimentos sociais, na noite de ontem (13/09), o governador Camilo Santana (PT) fez elogios ao presidenciável Fernando Haddad (PT) e afirmou que o ex-ministro de Lula é "preparado". 



Nos últimos dias, Ciro Gomes (PDT), padrinho político do governador, comparou o adversário à ex-presidente Dilma Rousseff (PT). "O Brasil não aguenta outra Dilma", declarou o pedetista em referência à indicação de Lula.

A estratégia do ex-governador é polarizar a disputa na corrida ao Palácio do Planalto com o ex-prefeito de São Paulo para conseguir ir ao segundo turno.

No evento, na avenida 13 de Maio, a militância petista exibiu um vídeo gravado por Fernando Haddad cumprimentando os eleitores cearenses e pedindo votos para a reeleição de Camilo. Ao assistir no palanque, o governador sorriu, fez o "L" de Lula com as mãos e elogiou o substituto do ex-presidente na campanha para a Presidência.

"E eu quero dizer a vocês que a gente está muito triste porque estamos com a nossa democracia abalada. Só vamos restituir a verdadeira democracia nesse País quando Lula estiver livre. É uma prisão política, que não estão deixando por uma questão política Lula ser candidato. E agora, assume no lugar do Lula um jovem que foi por oito anos ministro da Educação, que ajudou muito ao Ceará, que fez um trabalho extraordinário, que está preparado, que está colocando seu nome à disposição do povo brasileiro para que a gente possa resgatar o projeto de Lula, o projeto de Dilma", declarou Camilo à militância.

O petista defendeu que o novo presidente tenha um projeto "que dê oportunidade para as pessoas, que divida as riquezas desse País, que dê terra para quem não tem terra, que faça a reforma agrária", e completou: "Precisamos ir para as ruas (...) e pedir para que no dia 7 de outubro quando abrir as urnas do Estado do Ceará a gente só vai ouvir 13, 13, 13, 13...".

Membro da Executiva Nacional do PT, o deputado federal José Guimarães disse ao jornal O POVO que as reclamações do governador sobre o volume de repasses do fundo partidário à campanha no Ceará estão sendo discutidas, mas que o assunto já está "pacificado".

Ainda sem uma resposta sobre a possibilidade de novos aportes à campanha no Estado, Camilo afirmou que ainda não recebeu retorno da insatisfação, mas disse que não houve problemas com a instância nacional, que apenas fez uma reclamação pontual.

O presidente do PT no Ceará, deputado estadual Moisés Braz, reforçou a fala do governador e disse que a insatisfação é em todas as alas, principalmente em relação às candidaturas à Assembleia Legislativa que estão entre as de menor prioridade da instância nacional do partido.

Dirigentes do PT no Ceará confirmaram a presença de Fernando Haddad mais uma vez no Ceará. A expectativa é que o candidato faça duas carreatas na Região Metropolitana e no Cariri.

Com informações portal O Povo Online