2 de setembro de 2018

No Ceará, Alckmin critica reação do PT à decisão do TSE


O candidato à presidência da República Geraldo Alckmin (PSDB) classificou como um "teatro" a atitude do PT frente à decisão do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) de rejeitar a candidatura de Lula (PT).

 "A encenação do PT depois da decisão da Justiça, essa encenação é vergonhosa", afirmou o tucano ao O POVO na sua última agenda de campanha no Ceará na noite de ontem (01/09).


Lula teve seu nome negado por seis votos contra um, em julgamento na última sexta-feira, 31. Na propaganda eleitoral transmitida na televisão e na rádio ontem, no entanto, o partido insistiu que vai entrar com todos os recursos para garantir a candidatura do ex-presidente. Pela lei, a legenda tem dez dias para substituir o candidato à presidência, que deverá ser o ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad (PT).

A saída de Lula do cenário eleitoral beneficia Alckmin, que tem pontuado melhor nas pesquisas em um cenário sem Lula. O candidato tucano, no entanto, ainda tem apresentado baixos índices de intenção de voto e aposta no programa de televisão e de rádio para crescer. Entre suas táticas, ele tem investido nas críticas aos adversários, sobretudo ao PT e ao candidato Jair Bolsonaro (PSL).

Alckmin cumpriu agenda política no Ceará nos últimos dois dias, tendo iniciado seus compromissos em uma visita ao Grupo de Comunicação O POVO (GCOP). O seu último ato no Estado foi uma carreata no município de Caucaia, na Região Metropolitana de Fortaleza.

Antes, ele passou pelas cidades de Horizonte e de Itapipoca, sempre acompanhado da sua candidata a vice Ana Amélia (PP) e da comitiva cearense do PSDB: o senador Tasso Jereissati, o candidato ao Governo General Theophilo e sua vice Emília Pessoa, a candidata do Senado Mayra Pinheiro e dos deputados federais Raimundo Gomes de Matos e Danilo Forte.

Em Caucaia, o presidenciável foi recebido por centenas de carros e motos que saíram da entrada da Cidade e passaram pelas ruas do centro em direção ao distrito de Jurema. Nas ruas, os cidadãos acompanhavam o ato com curiosidade e alguns demonstravam apoio. Alckmin não permaneceu até o fim da carreata e teve de deixar o município um pouco antes das 19 horas. O ato seguiu até por volta das 20 horas.

A visita ao Ceará representa um forte investimento que o tucano deve fazer no Nordeste. Ele chegou a anunciar, na última sexta-feira, uma proposta voltada para a região: o Nordeste Inovador, um conjunto de medidas para fortalecer as políticas econômicas e de segurança pública e recursos hídricos.

Com informações portal O Povo Online e foto de Aurelio Alves

Leia também: