30 de maio de 2015

Vereadores derrubam DEMUTRAN de Altaneira

Plenário da Câmara Municipal de Altaneira (Foto: Arquivo do Blog)
Por maioria de votos, a Câmara Municipal de Altaneira desaprovou em Sessão Ordinária realizada na tarde de ontem (29/05) Projeto de Lei de iniciativa do Poder Executivo, que visava a implantação do Departamento Municipal de Transito. 

A municipalização da fiscalização do trânsito está prevista no Código Nacional de Trânsito e tem sido uma cobrança constante do Ministério Público Estadual.

O projeto recebeu Parecer contrário do Relator, vereador Professor Adeilton (PP) que argumentou haver outras prioridades no Município e que primeiro seria necessário investimentos na Guarda Municipal.

O relator criticou ainda a criação de os três cargos comissionados para direção do órgão, bem como que temia uso político partidário do órgão. Os vereadores da bancada de oposição seguiram o voto do Relator pela desaprovação do Projeto.

Por sua vez os vereadores da base do Governo sustentaram a necessidade da criação do órgão regulamentando a fiscalização do trânsito no Município, que a cada fica mais complicado em face ao desrespeito das leis.

Com mais um empate na votação coube a presidente da Casa, vereadora Lélia de Oliveira, o voto de minerva. A presidente seguiu, mais uma vez, a orientação do Líder da Bancada da Oposição e votou contrário ao projeto.

O líder do Governo, vereador Edezyo Jalled (Sem Partido), lamentou a desaprovação do projeto que além de regulamentar a fiscalização do trânsito no Município ainda iria gerar empregos diretos e efetivos.

Por sua vez o líder do Partido Solidariedade, vereador Deza Soares, lamentou que a maioria da Casa vote de acordo com suas posições pessoais em prejuízo da comunidade e do interesse público.

Até o fechamento desta postagem o prefeito municipal, Delvamberto Soares, não havia se manifestado sobre a desaprovação do Projeto.