26 de maio de 2015

PMDB quer disputar eleições em todos os municípios cearenses

As eleições de 2016 deverão ser marcadas pelo protagonismo PMDB nas disputas pelas prefeituras do Interior e da Capital. A sigla deu início a articulações para disputar em todos os municípios cearenses. 

Embates entre grupo ligado a Cid Gomes (Pros) e a legenda do senador Eunício Oliveira serão registrados em pelo menos três grandes cidades.
“O partido está se fortalecendo, e pretende lançar candidatos em todos os municípios”, garantiu o deputado estadual Audic Mota, líder do partido na Assembleia.

Desde o último sábado (23/05) o PMDB retomou caravanas pelo interior do Estado na busca por firmar novas lideranças. Segundo Audic, os encontros nas diversas regiões devem continuar até a véspera das convenções partidárias em 2016.

Para o vice-prefeito de Fortaleza e braço direito de Eunício, Gaudêncio Lucena, a legenda passa, atualmente, por um processo de depuração. “Queremos ter no partido somente os verdadeiros peemedebistas. E não quem não vota no partido na hora que mais precisamos. Poucos partidos têm essa coragem”, garante ele. Para consolidar a estratégia com vista às disputas de outubro do próximo ano, a sigla peemedebista já promoveu remoções em diversas direções municipais.

Em Fortaleza, Caucaia e Sobral, a legenda reeditará a última disputa pelo governo do Estado. O grupo de Eunício fará oposição a candidatos ligados ao ex-governador Cid Gomes.

Oscar Rodrigues, em Sobral, deverá enfrentar o atual secretário das cidades, Ivo Gomes, irmão de Cid. Em Caucaia, na Região Metropolitana, o deputado Danilo Forte busca apoio da legenda municipal para concorrer contra Lia Ferreira Gomes. 

“Em Fortaleza, o partido terá candidato, mas também defendemos que necessariamente quem concorrer apoiado por nós estará no arco de aliança que disputou o governo do Estado”, disse o deputado Danniel Oliveira.

Em Altaneira o PMDB está inativo desde julho de 2014 e teve como último presidente o atual secretário municipal de Administração e Finanças, Ariovaldo Soares Teles, que tem demonstrado interesse em retornar ao Partido dos Trabalhadores (PT).

Com informações O Povo Online