21 de dezembro de 2015

URCA e Fundação Casa Grande criam Instituto de Arqueologia do Cariri

Diretores da Fundação Casa Grande, professores da URCA e pesquisadores na solenidade de criação do IAC (Foto: Samuel Macedo)
A Universidade Regional do Cariri (URCA) e a Fundação Casa Grande criaram, por meio de parceria, o Instituto de Arqueologia do Cariri –IAC. O objetivo do órgão é atuar sob a perspectiva de colaborar com a promoção e divulgação de ações conjuntas de Pesquisa, Extensão, Proteção e Conservação do Patrimônio Arqueológico, Meio Ambiente, Cultura, Geoturismo e Geoeducação.

A finalidade é também reunir pesquisadores de todas as áreas do conhecimento do campo da Arqueologia. O Instituto estará ligado ao Gabinete da Reitoria e ao Geopark Araripe. Numa concepção mais ampla, visa à inserção em políticas públicas regionais e a atuação abrangendo estudos arqueológicos de modo geral.

A solenidade de criação do Instituto de Arqueologia do Cariri aconteceu no último sábado (19/12), nas comemorações do aniversário dos 23 anos da Fundação Casa Grande, onde irá funcionar o órgão, com a presença de pró-reitores da URCA, coordenação do Geopark Araripe e diretores da entidade, em Nova Olinda, além de convidados e pesquisadores. Na ocasião, foi descerrada uma placa, destacando a parceria e ampliando as fronteiras da URCA, por meio de um relevante trabalho já desenvolvido na região, com a Fundação. O local conta com importante reserva técnica da área da arqueologia, além do Memorial do Homem Kariri e o Laboratório de Paleontologia.

A criação do Instituto aponta para a sistematização desse conhecimento e ampliará a pesquisa e a extensão na área da arqueologia, no Cariri, já com mais de cem sítios arqueológicos identificados. A coordenação do IAC será por meio da Universidade Regional do Cariri, Fundação Casa Grande e Geopark Araripe através de um colegiado gestor formado por representantes das instituições referidas anteriormente.

Segundo a Pró-Reitora de Extensão da URCA, Professora Arlene Pessoa, esse é mais um avanço da Universidade, com a criação do Instituto, em parceria com a Fundação Casa Grande. ”Com isso, a instituição dá um passo importante no campo da arqueologia”, diz.

O Instituto de Arqueologia do Cariri – IAC, disporá de Professores – em nível de doutorado, mestrado e especialização, auxiliados por bolsistas de nível médio e graduandos dedicados à pesquisa e a extensão. Contará também com parcerias de profissionais de outras instituições Nacionais e Internacionais, congregando desse modo recursos humanos altamente especializados com vistas a atender plenamente os objetivos a que se propõe.

Doutora em arqueologia pela Universidade de Coimbra, em Portugal, Rosiane Limaverde, diretora da entidade, comemora a conquista da Casa Grande e da URCA e afirma que esse é um grande passo, numa região que possui um rico acervo arqueológico, proporcionando a abertura para novas pesquisas no âmbito acadêmico.

Segundo ela, com a criação do Instituto já nasce a parceria com outras universidades importantes, como a Universidade de Coimbra e UFPI, com a proposta de iniciar um curso de especialização ou mestrado em arqueologia. O sonho, segundo ela, é que o Cariri venha ter um curso na área. E material, conforme a pesquisadora, é o que não falta para desenvolver importantes pesquisas e descobertas sobre os primeiros habitantes da região, além de ampliar os trabalhos no campo da arqueologia histórica.

“O Instituto de Arqueologia do Cariri vem atender uma demanda antiga da região e consolida um pleito específico nas áreas de pesquisa e extensão”, afirma o Reitor da URCA, Patrício Melo. A Casa Grande já está inserida no território do Geopark Araripe, e, com isso, conforme ele, amplia a atuação da universidade no Município. Para Rosiane, o Instituto vem fortalecer a extensão, por meio da parceria, trazendo a comunidade para a academia, assim como acontece com o Museu de Paleontologia, em Santana do Cariri.

A professora altaneirense Heloisa Bitu participou da solenidade como pesquisadora na área.

Com informações Assessoria de Comunicação da URCA