5 de maio de 2018

Transporte dos universitários altaneirenses volta ao debate nas redes sociais


O vereador Professor Adeilton publicou ontem (04/05) no seu blog que recebeu mensagens e ligações de universitários preocupados com a situação dos transportes as universidades da região metropolitana do cariri.

O vereador lembrou que transporte gratuito é ofertado pelo Município em atendimento a disposição prevista na Lei Orgânica do Município e que o prefeito anunciou que irá retirar os ônibus que transporte os universitários.

“Diante de tal situação, nos deixa evidente o interesse do gestor em desrespeitar mais uma lei e dessa vez a nossa lei maior (Lei Orgânica). Acredito que nessa reunião o mesmo deverá propor uma ajuda de custo mensal num percentual em cima das despesas comprovadas pelos universitários com transporte” escreveu o vereador.

Ao compartilhar a postagem do grupo de WhatsApp do Blog de Altaneira o acadêmico de direito, Eduardo Amorim, criticou o título da postagem, taxando-o de sensacionalista, uma vez que o prefeito ainda não anunciou em público o corte do transporte, afirmando que tudo não passa de um boato.

Adeilton reforçou que teve as informações de universitários e que para ser anunciado não precisa de um ato público, mas torce para que seja apenas sensacionalismo mesmo. “Tomara que não tire o transporte, esse é nosso desejo”, disse.

O blogueiro Junior Carvalho também criticou o título da postagem afirmando só caberia após a reunião, se o prefeito retirar os transportes e pediu para o parlamentar ser humilde vereador e admitir que o título estava errado.

Junior ainda disse que não acho que seja bom tirar direitos dos  universitários, mas o que se tá discutindo é que o vereador quer passar uma informação que ainda não foi dita, até ainda nem teve reunião, como bem disse na matéria, pode haver um acordo entre as parte.

O Garoto Beleza, João Alves, informou que a reunião está prevista para o próximo sábado, dia 12, já o universitário João Neto disse que dia 15 vai ser cortado o transporte, ambas as informações repassadas aos universitários.

O vereador Adeilton aproveitou as informações para reafirmar que a postagem não era sensacionalista “Opa, já surgiu a data da reunião. Então o que os universitários me passaram está verdadeiro. Infelizmente, não era sensacionalismo e muito menos especulação”, lamentou.

O empresário Devanilton Soares, mais conhecido por Palito MegaSom lembrou que o papel dos vereadores e defender os interesses da comunidade como fiscalizar a administração e os críticos da postagem se comporta “aduladores” sem trazer nenhum resultado positivo pra o debate.

“Acredito que nossa responsabilidade é maior que de todos porque nós fomos responsável direto pela a eleição do prefeito que aí está, mas não podemos ficar omissos a essas situações que prejudica o direito adquirido por lei dos universitários mais pobres. Acho que esse valor não mudaria em nada nas Finanças do município e que tem alguns custos desnecessários que poderia ser cortado, mas saúde e educação isso são prioridades para um crescimento de uma cidade”, disse Palito.

O jovem João Neto encerrou o debate informando que alguns universitários disseram que trancariam o curso, caso o corte se confirme, pois, não possuem condições de pagar outro transporte.


Até o fechamento desta postagem nenhum gestor municipal havia se manifestado sobre o caso.