10 de maio de 2018

Pré-candidaturas ao Governo do Ceará estão nas ruas

A pré-campanha no Ceará está na rua. Os três nomes que disputarão o Governo do Estado já encampam atividades ligadas aos partidos políticos, ações de governo e trabalham no plano de gestão com participação popular. Embora parte da oposição ao governador Camilo Santana (PT) tenha demorado a apresentar um nome que disputará o Palácio da Abolição em outubro próximo, o foco agora é recuperar o tempo perdido.

Ontem (09/05), o pré-candidato do PSDB, General Theophilo, participou de duas reuniões para discutir a construção do plano que será apresentado ao eleitor no que envolve assuntos como economia e segurança pública.

Nos próximos dias, o pré-candidato preenche a agenda com entrevistas e realiza eventos com aliados na Capital para garantir a musculatura da candidatura na eleição.

Ao jornal O POVO, o tucano afirmou que a pré-campanha está “na rua” e que o grupo que vai coordenar a candidatura em agosto está “ouvindo pessoas notáveis” que irão construir o projeto de governo.

Quem contribui para as propostas da economia da candidatura do general é o ex-secretário de Desenvolvimento Econômico do então governador Tasso Jereissati (PSDB), Raimundo Viana.

A oposição à esquerda do governador petista também se movimenta no interior do Estado visando ao processo eleitoral dos próximos meses. Pré-candidato do Psol ao Executivo estadual, Ailton Lopes disse que os partidos da frente de esquerda realizam “eventos programáticos” desde o dia 17 de março. As chamadas rodas de conversa com a população funcionam para basear o plano de gestão do Ceará pelos próximos quatro anos.

“Nesses encontros é um momento de escuta. A gente está construindo o programa ouvindo a militância do partido e movimentos sociais. Temos feito rodas de conversa e produzido relatórios”, explicou Ailton. O próximo encontro será realizado no dia 20 de maio, no município de Sobral.

Nos últimos dias, o governador Camilo Santana, que tentará reeleição, assinou ordens de serviço e inaugurou obras. A inauguração do hub da Air France e a nova etapa da restauração de estradas foram dois grandes eventos também pré-eleitorais.

Embora aliados neguem que os atos também façam parte da pré-campanha, o petista tem feito diversas viagens na companhia de lideranças do Interior, inclusive ao lado do senador Eunício Oliveira (MDB), para mostrar resultado.

A vice-líder do governador na Assembleia Legislativa, a deputada Rachel Marques (PT) defende que a agenda está pautada em “governar” o Ceará e que “no momento ele (Camilo) está dedicado às tarefas que são colocadas no governo”. A agenda estritamente eleitoral será colocada no momento adequado, defende a parlamentar.

Com informações portal O Povo Online