20 de maio de 2018

Como identificar boatos e notícias falsas


Os Boatos e as notícias falsas, as chamadas Fake News, são espalhados nas redes sociais todos os dias e a todo momento. Pessoas de bem contribuem na divulgação desses conteúdos pelo simples hábito de não consultar antes.

O portal Boatos.Org, que toma para si a responsabilidade de checar a veracidade das informações que circulam nas redes sociais, alerta para o fato de que “Sempre que tem algum fato com alguma grande comoção, os boatos se alastram”. Apresentamos a seguir algumas dicas para evitar a divulgação e boatos e falsos notícias.

Boatos: São informações falsas que costumam circular por redes sociais de compartilhamento de mensagens, como WhatsApp, e costumam ter cunho alarmistas. Uma das características é atribuir a informação a uma pessoa de suposta proximidade, por exemplo “um amigo me disse...”, “um conhecido me contou…”, “um parente viu...”.

Fake news: São notícias falsas postadas em sites criados com o objetivo de confundir os leitores sobre a credibilidade. Geralmente o site tenta se assemelhar a uma estrutura de portal online. O conteúdo falso postado nessas páginas são divulgados em redes sociais.

Evite os boatos e as fake news

1 Questione manchetes
Desconfie de chamadas apelativas, com alegações sensacionalistas e chocantes.

2 Atenção aos sites
Muitos sites de notícias falsas imitam veículos de comunicação autênticos. Observe se o endereço do site é correto e se o portal é mesmo confiável.

3 Observe a fonte
Tenha certeza de que a fonte da reportagem tem credibilidade e estão referenciadas no texto.

4 Olhe as imagens
Duvide sobre da veracidade da fotografia. Observe se os elementos não foram manipulados. As imagens são usadas para aumentar a impressão de realidade.

5 Veja as datas
Fique atento às datas da publicação, se elas são realmente atuais e se estão claras na reportagem.

6 Procure outras fonte
Tente checar se a informação já foi publicada por outros veículos de comunicação de credibilidade. Se não, isso pode ser um indicativo de notícia falsa.

7 É piada?
Existem site que fazem sátiras e piadas a partir de notícias reais. Certifique-se se a história publicada é confiável.

8 Quem compartilha
Veja se a pessoa que compartilhou a matéria é real, se há amigos em comum. Questione sobre a fonte da informação.

9 Não replique
Tenha cuidado com o conteúdo que você dispara nos grupos de bate-papo e nas redes sociais. Você é responsável pela informação que replica.

Com informações portal Boatos.org