6 de agosto de 2014

Câmara Municipal reinicia trabalhos com projeto de criação do DEMUTRAN

Plenário da Câmara Municipal de Altaneira na tarde de ontem (Foto: Junior Carvalho)
Com a leitura de três Mensagens do prefeito municipal, Delvamberto Soares (Pros) a Câmara Municipal de Altaneira iniciou na tarde de ontem (05/08) os trabalhos do segundo período da segunda Sessão Legislativa desta Legislatura. As mensagens do Executivo encaminhavam para deliberação plenária projetos de lei sobre Conselho Municipal de Desenvolvimento Rural Sustentável, sobre o Plano Municipal de Saneamento Básico e sobre a criação do Departamento Municipal de Trânsito. 

O Blog da Câmara Municipal não registrou os debates dos parlamentares sobre a decisão do Tribunal de Justiça do Estado do Ceará que por unanimidade considerou inconstitucional a Emenda à Lei Orgânica do Município que atribui ao Executivo o ônus do pagamento do subsídio do vereador licenciado para assumir a função de Secretário Municipal.

O projeto de lei que dispõe sobre a criação ganhou destaque nas mídias sociais na cidade e foi alvo de postagens, ainda na tarde de ontem, no blog do Vereador Adeilton e no blog A Pedreira.

No seu Blog o vereador professor Adeilton registra que antes do início da Sessão o prefeito solicitou empenho dos vereadores na tentativa de amenizar os problemas com segurança no trânsito e justificou que a implantação do  DEMUTRAN traria uma imensa ajuda na prevenção de várias infrações que acontecem em nosso município.

O vereador Adeilton não adiantou seu posicionamento diante do projeto comentou apenas que aguardaria a reunião da Comissão Permanente para debater e propor emendas ao mesmo.

O Blog A Pedreira compartilhou imagens do projeto na íntegra em postagem com o título Comunidade pede instalação do DEMUTRAN em Altaneira e cita que o prefeito Delvamberto Soares enviou o projeto à Câmara “em virtude de varias reclamações da comunidade em geral, tendo em vista que em Altaneira vem se desenvolvendo um rápido crescimento  de Motocicletas na cidade, é notório a presença de crianças pilotando veiculo automotores de forma totalmente irregular”.